Blog

Comer queijo pode ajudar a viver mais

Um estudo foi divulgado recentemente e vai fazer a alegria dos amantes de queijo. A pesquisa realizada pela Sociedade Europeia de Cardiologia aponta que, com a exceção do leite, comer laticínios aumenta a longevidade e protege contra a mortalidade relacionada a problemas cerebrovasculares (como AVCs).

O estudo, que durou seis anos, contou com a participação de 24.474 adultos, os quais tinham uma idade média de 47,6 anos. Durante esse tempo, foram registradas 3.520 mortes, incluindo 826 devido a câncer, 709 paradas cardíacas e 228 que tiveram como causa incidentes cerebrovasculares.

Os estudiosos descobriram que o consumo de laticínios foi associado ao menor risco de mortalidade, e o consumo de queijo, em particular, está ligado a uma taxa de mortalidade 8% menor.

Outro estudo, mas na mesma linha, foi realizado na Universidade de Medicina de Lodz, na Polônia, e os resultados foram os mesmos. Nessa pesquisa, foram apurados dados de 636.726 participantes, durante 15 anos, e foi detectado que o consumo elevado de laticínios contribuía para a diminuição da mortalidade. Os cientistas concluíram, também, que o consumo de leite tem o efeito contrário, prejudicando as chances de uma vida prolongada.

A conclusão que fica é a seguinte: aproveite a pesquisa e consuma queijos. Além de viver mais, vai se deliciar com os diversos sabores.